quarta-feira, 21 de agosto de 2013

Para você, as suas palavras


Helena,

Tudo certo? Claro que está, né? Você está dormindo a essa hora. O objetivo principal dessa carta é registrar as palavras que você já sabe falar e usa diariamente para se expressar numa língua, digamos, A MAIS LINDA DO MUNDO! (Em breve o papai vai preparar um vídeo com os melhores momentos).
Mas antes de fazer a lista, queria te contar uma coisa. Todas as mães (inclusive eu), pais, avós e futuras mães costumam fazer duas perguntas (mais ou menos na idade que você tem) que parecem uma espécie de prova de que o bebê está bem e é inteligente:
1. “Com quantos meses ela andou?” (essa nem fazem mais, pois você anda há uns dois meses já)
2. “Ela já fala?” R: Sim, algumas coisas. Aí vem: “Nossa, o fulano é mais velho que ela e não fala nada!” Geralmente isso acontece com os meninos, pois dizem que eles falam mais tarde que elas. Pode ser. Mas no seu caso – para alívio dos mudinhos e troll da mamãe –, há um fator maior, o qual invariavelmente é descrito pela seguinte frase: “Mas, também, com a mãe que tem! o.O Ou seja... Mamãe fala bastante (e o papai também!).
Dito isso, vamos lá; segue a lista, lembrando que você tem hoje 1 ano e 4 meses de idade.

  1. Mamãe (e todas as suas variedades, do grito ao murmuro demorado)
  2. Papai (tá, foi a primeira palavra depois de avião)
  3. Vovó
  4. Vovô
  5. Eic (Eric, seu primo)
  6. Lêni (a sua babá)
  7. Val (a Valdeci, que trabalha aqui em casa)
  8. Tau (tchau para tudo que se vai, incluindo cocô e quando você guarda a chupeta para sair do quarto)
  9. Cocô (você quase sempre avisa quando faz cocô)
  10. Não
  11. Ixi (tudo que não dá certo, manda um “ixiii”)
  12. Tem (qdo pergunto se tem feijão na sopa do neném, você diz: tem!)
  13. Dandá (andar)
  14. Auau (todos os cachorros)
  15. Gigi (girafa)
  16. Bubú (chupeta)
  17. Avão (avião)
  18. Boia (bola)
  19. Mena (meia)
  20. Gol
  21. Ca-u (carro)
  22. Popó (a Galinha Pintadinha)
  23. Piupiu (passarinhos em geral, inclusive pomba)
  24. Cocó (da turma do Cocoricó, diferente de popó, galinha pintadinha)
  25. Pepa (desenho da porquinha)
  26. Bai (Barney)
  27. Neném (usada para qualquer criança [e boneca] que tenha idade entre 0 e 10 anos, inclusive você mesma, talvez já querendo dizer seu próprio nome)
  28. Aga (Água)
  29. Pé (para o pé mesmo e para todos os sapatos)
  30. Mão
  31. Boca
  32. Ôio (Olho)
  33. Minco ou Minque (meus brincos; quando uso, você só tem olhos para eles)
  34. Peiti (pente; mamãe penteia o seu cabelo até para dormir)
  35. Manga (fala e pede insistentemente, vide vídeo da “manga”)
  36. Nanana (Banana, semelhante à manga)
  37. Peta (pêra)
  38. Pexii (peixe)
  39. Papá (comida, essa é fácil)
  40. Mamá (mamadeira, idem)
  41. Baby (o baby Einstein)
  42. pat (iPad)
  43. Capé (café; é só ver a gente pegando a xícara que já fala ou ligando a máquina de nespresso)
  44. Póta (pão, essa merece atenção, porque é a mais estranha e engraçada de todas; e é a coisa mais linda do mundo você dizendo: “qué póta!”)
  45. Ovo (que você pede desesperadamente na hora do “papá”: “qué ovo!”)

E aí vêm os verbos que acompanham a maioria das palavras acima:
  1. Achi (achei, brincando de esconder)
  2. Qué – (quero. Exemplo: qué mangaaa!)
  3. Ó – (olha. Exemplo: óóó o cauuuu!)
  4. Pega (pegar. Para pegar qualquer coisa)
  5. Caiu
  6. Abi (abrir; sempre pedindo para abrir a porta ou o zíper do casaco do papai ou a tampa da mamadeira)
  7. Cabô! (Acabou!)